Millydielle's Blog

8 de julho de 2013

Infidelidade virtual é traição real?

Filed under: Comportamento,Traição — by milly_JF @ 22:01

Enviar e-mails quentes, trocar fotos com desconhecidos e acessar salas de bate-papo classificam traição? Descubra a opinião.

Conversar com o ex-namorado por email, entrar em salas de bate-papo enquanto seu marido dorme ou viaja, trocar fotos com desconhecidos. Hoje em dia, o mundo virtual abre portas para vários tipos de relacionamentos e se render à telinha para satisfazer as expectativas e fantasias sexuais – muitas vezes não correspondidas em sua relação real – está cada vez mais fácil. “É uma intimidade à distância, por mais contraditório que pareça. É uma sedução, uma conquista passo a passo, como não existe mais no mundo real”

Mas será que realmente existe infidelidade virtual?
Este é um tema que divide opiniões entre os especialistas. “Não existe infidelidade virtual, inclusive pela legislação esse tipo de relação não é considerada uma traição”, acredita Claudya Toledo, presidente da agência de casamentos A 2 Encontros e autora de diversos livros sobre relacionamentos. “Essa postura pode ser a busca de um complemento, a procura de mais emoção, de uma maneira de apimentar a mente e pode causar um reflexo positivo no relacionamento”, diz ela.

Já para a psicoterapeuta sexual Lúcia Rosenberg, quem determina o que seria infidelidade ou não é o próprio casal: “a fidelidade passa pelo acordo. Os limites são diferentes e precisam ser esclarecidos. Muitas pessoas acreditam que ela é mental, para outras, é física.” Outra especialista no assunto, a terapeuta de casais Marina Vasconcellos, considera um relacionamento virtual como “uma traição da confiança da relação”, e salienta: “a infidelidade caracteriza-se pela relação de intimidade com outra pessoa que não seja o cônjuge, ou mesmo pela intenção de se relacionar com alguém, mesmo quando se está comprometido.”

Se o conceito de traição virtual é motivo de divergência entre os profissionais da área, a sua importância em uma relação é unânime: medo de ousar, mudar ou até mesmo romper o relacionamento que não está funcionando. “A infidelidade virtual é um sinal claro de que é necessário rever a relação”, comenta Lúcia Rosenberg. E nesse caso, o diálogo, que pode ter ficado esquecido, tem papel fundamental. “Conversando é possível investir e mudar a relação que certamente tem problemas ou frustrações, e assim tentar renovar o casamento”, lembra Marina Vasconcellos. “O mais importante é ter claro que em um relacionamento tudo tem que ser combinado ou até mesmo recombinado, já que o que um tem uma opinião ainda que estejam juntos.”

14 de maio de 2012

Veja 10 lições de amor que as mães inspiram nos filhos

Filed under: Comportamento — by milly_JF @ 4:17

Você é bonita e brilhante

Você é uma joia. Todo dia olhe para o espeho e diga: “você é bonita, inteligente e especial” – e então acredite nisso, porque é verdade. Respire isso. Uma vez que acreditar nisso, ninguém poderá fazê-la se sentir feia ou insignificante. Seja você mesma

Você pode ser feliz sozinha

Algumas mulheres pensam que precisam de um homem para se sentirem felizes, mas isso não é verdade. Estas mulheres se colocam em relacionamentos que não funcionam, aterrorizadas com a possibilidade de terem que refletir, sozinhas. É preciso entender que um relacionamento não define o seu valor ou faz você ser mais especial do que de fato é. Desenvolva uma relação de amor com você mesma, em primeiro lugar

Respeite seu corpo

Às vezes, você precisa mirar-se nos exemplos do que não fazer, olhando para sua mãe. Se a sua mãe fuma, e você sabe que este é um hábito ruim, faça o contrário. Mães falam para seus filhos não fumarem, não abusarem do álcool, das drogas ou da promiscuidade. Algumas mulheres fazem loucuras com o próprio corpo em nome do amor, da tristeza ou da dor – mas todas nós temos escolhas

Homens são apenas diferentes

Não tente sempre analisá-los ou entendê-los. Se você não consegue lidar com os defeitos dele, apenas deixe-o partir. O verdadeiro amor está em compreender o que a outra pessoa é – suas fraquezas e qualidades. Todos nós temos manias, mas se ele a respeita e a ama incondicionalmente, é preciso avaliar se as coisas irritantes que ele faz realmente são motivos para enfraquecer a relação

Tudo bem se você chorar

Se você já teve coragem suficiente para se entregar a um amor, certamente já se decepcionou também. Mas a tristeza também faz parte da vida, por isso, chorar não é um pecado. Derrubar algumas lágrimas é reconhecer que algo de fato machucou, e, para aceitar e demonstrar isso é preciso coragem. Isso pode mostrar mais força do que você imagina

Perdoe

O perdão é uma escolha, uma decisão que você faz e pode beneficiar mais a você mesma do que ao próximo. Para algumas pessoas, perdoar alguém é até mais fácil do que perdoar a si próprio. Liberte-se, porque ficar mantendo uma dor no peito apenas prejudica o seu espírito, e, com isso, nunca estará pronta para amar novamente. Perdoar é algo para você, e para ninguém mais

Assuma riscos, na vida e no amor

Se você quer namorar alguém que mora em outro estado, tem filhos ou é dez anos mais velho que você, siga em frente. Ainda que uma relação não dure para sempre, não quer dizer que foi uma relação ruim. Grandes amores e grandes sucessos envolvem grandes riscos. A cada vez que você ama e recebe amor em troca, você já ganhou algo, até mesmo para aprender com as experiências vividas

Apaixonar-se é fácil, amar nem tanto

Muita gente acredita em contos de fadas e se emociona com adocicadas comédias românticas, mas atenção. Não existe uma única alma gêmea para cada pessoa no mundo todo. Você pode amar muitas pessoas ao longo da vida. O amor verdadeiro e a intimidade levam um longo tempo para acontecer, e o seu desenvolvimento requer dedicação

Se alguém mostrar para você o que ela é, acredite

Não tente mudar alguém para que se transforme no que você quer. Muitas mulheres entram em relações na esperança de “consertar” os defeitos dos seus parceiros. Muitas vezes ignoramos alguns conselhos ou sinais que a vida começa a nos mostrar. Por isso, tente não se envolver com alguém que você idealiza, porque essa pessoa pode nunca conseguir ser da forma como você sonhou

Dê o seu melhor, na vida e no amor

Mostrar-se aberto ao amor pode ser algo assustador, mas segurar-se muito também pode fazer com as pessoas acabem se privando de coisas boas. Além disso, se você doa só um pouquinho de você, significa que também receberá em troca apenas migalhas. Não tenha medo, porque você nunca poderá viver um amor verdadeiro se ficar com tanto receio

Veja 6 formas de conquistar os amigos do parceiro

Filed under: Amor & Sexo,Coisas de Casal,Comportamento,Nova Conquista — by milly_JF @ 4:14

Pague uma rodada

Vocês estão em um bar, de repente você olha para o copo do parceiro e diz: “acho que você precisa de outra bebida”. Então, pede uma rodada de cerveja para ele e os amigos. O homem ganhará pontos com os colegas e você com eles

Apresente as amigas

Ele te convida para viajar com os amigos dele. Você se diverte com as piadas masculinas e participa das conversas. Depois, convida o seu grupo de amigas para se juntar aos colegas do parceiro. Eles irão adorar.

Entre na brincadeira

Se você é mais nova que o parceiro e os amigos dele vivem tirando uma onda com o fato, o melhor é entrar na brincadeira. Você pode dizer para um deles pegar a sua chupeta que todos vão cair na risada e gostar da sua espontaneidade

Destaque-se

Imagina estar entre os amigos dele durante um jogo em que as pessoas precisam cantar e adivinhar o nome de músicas. Mesmo que bata a timidez, se você se jogar na brincadeira sem medo de ser julgada vai conquistar os amigos dele. Eles vão perceber o quão divertida você é

Prepare petiscos

Você vai à casa do parceiro e ele está com alguns amigos jogando poker. Levar alguma coisa para comer e acompanhar a cerveja será bem visto pelos amigos dele. Comida é definitivamente o caminho mais rápido para conquistar um grupo de rapazes

Seja autêntica

Você pode não ter nada em comum com os amigos dele, já que a maioria deles tem um estilo voltado para finanças e você é um tipo mais criativo. Em vez de tentar se enquadrar no estilo deles, seja você mesma. Eles irão te achar genuína e ter certeza de não está apenas fingindo para agradá-los

Veja 6 maneiras para surpreender o homem durante a paquera

Filed under: Amor & Sexo,Casamento,Coisas de Casal,Comportamento — by milly_JF @ 4:11

Alguns truques são certeiros na hora de paquerar aquele homem que você está interessada. Caprichar no look, na make e no cabelo são dicas primárias para quem está no caminho da conquista. Mas a paquera pode ir além do contato visual e do charme do cabelo ou dos lábios. A Cosmopolitam perguntou a um especialista de namoros algumas dicas para flertar

Toque o homem: a mulher pode sim, ocasionalmente e de forma discreta, tocar o braço, o ombro ou o joelho do homem enquanto estiver conversando com ele

Mantenha uma certa distância: é comum que em um bar lotado ou em uma balada as pessoas se aproximem. Mas o ideal é manter uma distância de um braço entre você e ele. Faça com que ele se aproxime de você

Vista algo bem casual: não se importe em algumas vezes usar uma camiseta de seu time preferido, um casaco antigo da atlética da sua faculdade ou uma peça menos formal, casual e despojada. Dessa forma ele vai imaginar que você é uma boa companhia e topar passeios mais diferentes

Copie algumas de suas ações: se ele se inclina para você, inclina-se para ele. Se ele toma um gole de sua bebida, tome um gole da bebida dele. Pode parecer estranho, mas se espelhar nos movimentos de um homem pode estabelecer uma conexão e deixar a impressão de sincronia

Escute: mulheres estão acostumadas a falar mais do que os homens, até mesmo durante um encontro ou uma paquera. Escute o que ele tem a dizer. Quem sabe a próxima frase pode ser “qual é o número do seu telefone?”

Chame a atenção para o pulso: enquanto você está falando com ele, arregace as mangas e brinque com o seu relógio ou pulseira, movendo-os lentamente para cima e para baixo de seu pulso. Há algo de muito sensual sobre essa parte do corpo

Veja as 5 desculpas mais usadas por ele para evitar a camisinha

Filed under: Coisas de Casal,Comportamento — by milly_JF @ 3:57

Usar a camisinha mostra que ambos estão preocupados com si próprios, e também com o parceiro

Não importa o quanto ele é charmoso ou sexy ¿ sua saúde está em primeiro lugar e a camisinha é um item fundamental na hora do sexo. O site Your Tango listou as cinco maiores desculpas que eles inventam para não ter que usá-la. Confira e saiba como agir diante dessas situações.
“Prevenir a gravidez é responsabilidade da mulher”
Esta é uma desculpa antiga, mas não passa de uma besteira, uma vez que é preciso duas pessoas para se fazer um filho ou para espalhar vírus de HIV ou outras doenças. Se ele tem o hábito de usar camisinha, mas resolve parar de uma hora para outra, ele está pedindo que você assuma o risco. Insista e, se for o caso, procure usar camisinhas diferentes e inovadoras para estimular o uso.
“Não existe camisinha que sirva em mim”
Sim, existem homens que fazem este tipo de reclamação, enquanto muitas mulheres não percebem que é preciso sim estar atenta ao tamanho na hora da compra. No entanto, essa desculpa não é justificável, uma vez que o mercado de preservativos oferece uma enorme variedade de tamanhos, cores e sabores.
“O sexo é muito melhor sem camisinha”
Talvez essa desculpa reflita um interesse genuíno do homem em fazer com que os dois se sintam bem durante a relação ¿ ou ainda pode ser um mero pretexto para não ter que usar a camisinha. No entanto, pensar em sífilis, gonorreia e herpes é algo ainda mais importante do que pensar na sensação. A desculpa não é válida porque o sexo pode até ser melhor com a camisinha, uma vez que ambos se sentirão seguros de que não pegaram doenças ou enfrentarão uma gravidez. O ideal é pensar na camisinha como um simples acessório. Muitas delas possuem formas e texturas que podem até mesmo aumentar a lubrificação e o prazer para ambos.
“Camisinhas têm cheiro e gosto”
Essa é uma desculpa muito antiga. O cheiro forte de látex de fato foi uma reclamação muito relevante por muitos anos ¿ e, com isso, a indústria dos preservativos ouviu os consumidores. Atualmente, existem inclusive algumas linhas que têm gostos e cheiros especialmente para combater essa impressão negativa.
“Confia em mim”
Cuidado, essa frase lidera a lista de desculpas. E infelizmente é a mais comum de todas. Lembre-se que usar a camisinha mostra que ambos estão preocupados com si próprios, e também com o parceiro. Fazer sexo sem ela não significa que o casal irá construir intimidade. Ao contrário: é algo que pode ocorrer como resultado de uma confiança já conquistada. Saber que o seu parceiro não quer uma gravidez indesejada, ou transmitir uma doença, é o primeiro passo para se construir a intimidade entre os dois. Não ceda. O resultado disso será um sexo seguro e com muito prazer.

Beijo de cada signo

Filed under: Amor & Sexo,Comportamento,Signo e Sexo — by milly_JF @ 3:27

Muitas de nossas reações são influenciados pelo os astros e beijo não é diferente.
Quer saber de seu interesse amoroso tem um beijo quente, apaixonado ou delicado?
A respostas pode ajudar a conquista-los.
Descubra a seguir como é o beijo da pessoa de cada signo!

Touro: 21/04 a 20/05
Os taurinos e taurinas, sol ou ascendente, são conhecidos por sua sensualidade e o beijo do taurino costuma fazer parte dos inesquecíveis. Quentes, gostosos e sensuais, os taurinos são também conhecidos por beijarem bem. Adoram beijar e esse é o primeiro passo para o sucesso. O taurino não tem pressa, é guloso e muito dedicado ao parceiro (a). Mas normalmente não quer que fique apenas nisso. Sensualidade é o seu nome, portanto, prepare-se para muito mais.

Gêmeos: 21/05 a 20/06
Um dos gêmeos tem um lado disperso e ansioso, e não tem muita paciência para joguinhos amorosos. Ele é apressado, se excita rapidamente, mas é amoroso e gentil o tempo todo. Preocupado com o bem estar da parceira, o beijo geminiano é doce, mas sempre brincalhão. O outro gêmeo é intenso e arrebatador, adora os jogos amorosos e também tem uma preocupação gostosa com a parceira. Adora brincadeiras e está sempre bem disposto. O geminiano é o famoso “dois em um”, depende apenas de seu humor.

Câncer: 21/06 a 21/07
Câncer é regido pela Lua e por isso é um signo movido a emoções. Tudo o que a pessoa de Câncer faz tem uma carga emocional intensa. O beijo não fica fora dessa regra. O canceriano, homem ou mulher, sol ou ascendente, se entrega de corpo e alma àquilo que seria um simples beijo para um signo de fogo ou ar. O beijo canceriano costuma ser suave, carinhoso, apaixonado e fantasias. Sim, porque a pessoa de Câncer vive em um mundo emocional diferente de todos nós.

Leão: 22/07 a 22/08
Leoninos são fogosos, apaixonados e amam com facilidade. Com o coração sempre aberto aos relacionamentos, costumam se entregar à pessoa amada como se fossem personagens de um tórrido romance. O beijo do leonino é quente, tão quente que pode deixar você desconcertada. A paixão é a principal marca, assim como certa voracidade. Ele saberá onde colocar cada parte de seu corpo em apenas um beijo, portanto, não tenha medo de se entregar.

Virgem: 23/08 a 22/09
O virginiano é tímido, pelo menos até sentir a segurança necessária para se soltar e seu beijo não é diferente de seu temperamento. Ele pode rodear até mostrar o que realmente deseja, mas nunca mostra totalmente. Mantém sempre uma maneira de estar protegido. No entanto, quando se solta, como todos os signos de terra, mostra sua verdadeira capacidade de entrega. Demora para mostrar seus talentos, mas quando decide mostrar, sempre surpreende.

Libra: 23/09 a 22/10
A pessoa de Libra se mostra sempre equilibrada, nunca apaixonada e seu beijo é sempre algo guiado por esse equilíbrio. A razão está sempre acima da emoção e dificilmente o beijo do libriano é devastadoramente apaixonado. Pode se entregar, mas sua entrega é momentânea. Diria que o beijo libriano carrega o amor com estilo, charme e delicadeza, próprias desse signo. E nunca será dado publicamente.

Escorpião: 23/10 a 21/11
Geralmente escorpianos são pessoas sensuais e ligadas a toda forma de sensação física e emocional. O sexo é o setor da vida que ele caminha com mais naturalidade e desprendimento. O beijo do escorpiano, homem ou mulher, sol ou ascendente, é quente, sensual e carregado de desejo. Sua maneira de beijar pode superar a de qualquer signo, junto com Touro, que aliás é se parceiro perfeito. Todos os jogos amorosos estarão presentes num simples beijo, que certamente terá ótimas consequências.

Sagitário: 22/11 a 21/12
As pessoas de sagitário são brincalhonas e gulosas, sensuais e inteligentes. O beijo dos sagitarianos sempre vem acompanhado de muito desejo e alguns pequenos jogos de sedução. As brincadeiras sempre serão mais excitantes do que as de outros signos, pois elas vêm carregadas de inteligência. Sagitarianos são incansáveis e podem ficar beijando durante um logo tempo, antes de dar um passo adiante. Se gosta de novidades e aventura, vá em frente!

Capricórnio: 22/12 a 20/01
As pessoas de Capricórnio são sérias e contidas em sua maioria e seu beijo segue um pouco o mesmo ritmo. Capricórnio nunca é assertivo, pois sua insegurança emocional não permite o avanço rápido de qualquer tipo de relação. Sua necessidade de segurança pede conhecimento prévio da pessoa que está ao seu lado. Mas quando se sente seguro, esse é um dos signos mais fiéis aos seus sentimentos que vamos encontrar no zodíaco. Seu beijo é denso e profundo como a terra. Mas não gosta muito de novidades e brincadeiras.

Aquário: 21/01 a 19/02
Como um signo de ar, aquário é leve e rápido, inteligente e livre. Adora os jogos sexuais e não possui nenhum preconceito. É desapegado, não gosta do excesso de emoções e adora variar. O beijo do aquariano é pouco intenso, pois carrega em si o medo de se apaixonar. Pode inventar maneiras inovadoras de beijar, o que pode agradar, pela carga de brincadeiras e aventura. Mas dificilmente se entrega à paixão verdadeira. Gosta de variar e a rotina o entendia. Com ele você pode esperar por muitas surpresas.

Peixes: 20/02 a 20/03
O pisciano é um ser, acima de tudo, emocional e seu beijo traz toda carga de emoção que esse signo possui. O beijo do pisciano é apaixonado e carregado das mais loucas fantasias de amor perfeito. Os contos de fadas sobre príncipes e princesas são o cenário perfeito para seus sonhos. A delicadeza e o romantismo fazem parte de seu ritual amoroso, e o beijo nunca pode faltar em seu relacionamento. O beijo do pisciano costuma levar às alturas.

Veja 10 formas de fazer sexo para tentar com o parceiro

Filed under: Amor & Sexo,Coisas de Casal,Comportamento,Esquentando o Clima — by milly_JF @ 3:22

Usar fantasias e ter relações sexuais em locais diferentes são opções para apimentar a vida do casal

É natural que todo relacionamento esfrie, pelo menos um pouco, após os primeiros anos de convivência. Mas, existem formas de fazer a monogamia dar certo e ser interessante. O site Glamour preparou uma lista de 10 tipos de sexo que os casais precisam fazer ao menos uma vez na vida; veja a seguir.
Sexo teatral – “Todos nós temos fantasias”, disse o especialista em sexo Lora Somoza. “Se você está em um relacionamento comprometido e você se pegar sonhando com um policial sensual com algemas, não seja tenha vergonha de perguntar se o parceiro não assumiria este papel”. A dramatização permite conhecer novas pessoas na cama sem, necessariamente, trocar o parceiro. Fingir que vocês dois não se conhecem também é uma saída para manter a monogamia como um relacionamento quente.
Sexo luxuoso – Já notou como ficar em um hotel de luxo pode esquentar o relacionamento na cama. De acordo com o sexólogo Tracey Cox, poucas pessoas vivem momentos de luxo na rotina diária, por isso, quando se deparam com isso, ficam cheias de energia. Mesmo que o orçamento não permita férias em um hotel cinco estrelas, vale tentar viver este luxo por uma noite.
Sexo em local público – A ideia de ser pego em flagrante pode ser muito empolgante, mas isso não significa que você tem que ser um exibicionista para se divertir. “Tente encontrar um estacionamento abandonado ou na última fila no cinema”, disse Somoza. Mesmo que você tenha que esperar chegar em casa para realmente começar a ação, pode esquentar o clima até lá.

Sexo na praia – As ondas quebrando, a paisagem deslumbrante e qual o motivo para unir tudo isso a uma diversão entre o casal. Seja na areia ou dentro da água, a aventura apimentará o relacionamento.

Sexo proibido – “Se o livro best-seller 50 Shades of Grey nos diz alguma coisa, é que as mulheres gostam de quebrar regras”, disse Somoza. Tomar o controle durante o ato sexual, pedir para o homem agir com submissão e obedecer a todas as ordens. A única regra é que ele não pode dizer não e ele não vai falar.

Sexo no banheiro – O quarto mais subestimado como local para ter relações sexuais é o banheiro. No entanto, o local pode ser interessante. Os espelhos proporcionam visão do ato de diversos ângulos, o que torna o momento ainda mais quente. Você pode usar a banheira, acender velas e ainda deixar um pouco de vapor do chuveiro tomar conta do ambiente.

Sexo fingido – Sabe quando você está brava com ele, mas também o acha extremamente atraente? Quando quer arrancar suas roupas, mas também quer resistir, porque você acha que deve ensinar uma lição? Não resista. Colocar toda esta emoção durante o sexo pode dar mais energia para a relação, segundo Somoza.

Sexo preguiçoso – Da próxima vez que estiverem deitados, prontos para dormir, tire todas as peças de roupa e se aconchegue bem perto do parceiro. A relação pode começar devagar e o clima vai esquentar aos poucos.

Sexo barulhento – Deixe, pelo menos uma vez, todas as palavras que sente vontade de dizer durante o sexo saírem pela boca, sem qualquer pudor. A ousadia cabe entre quatro paredes, deixar o acanhamento de lado e se libertar para gritar, falar e fazer qualquer ruído é válido.

Sexo em um lugar famoso – “Fazer sexo em, perto ou olhando para um lugar famoso é uma experiência incrível”, disse Cox. “Você ainda não está realmente convencida de que está lá, então tudo parece surreal”, completou. Na varanda do hotel, com vista para o letreiro de Hollywood, em uma escadaria tranquila do Louvre ou durante uma caminhada no Grand Canyon, o momento será inesquecível.

10 de maio de 2012

100 conselhos para arrumar um namorado

Como se aproximar, fazer a paquera vingar, arrumar um namorado e mantê-lo? Para responder às questões que atormentam o coração das mulheres, Marie Claire selecionou oito conselheiros sentimentais, que encararam a tarefa com competência e humor.

Dirige workshops sobre relações e é
autor dos livros “Paquera: guia prático da conquista” e “Que delícia: paquera e sexo de qualidade” (ed. Gente).

1 Imagine exatamente como é o homem que você quer: o físico, o jeito, o signo, o caráter. Isto lhe dará um foco mental, ajudando-a a reconhecê-lo quando ele estiver na sua frente.

2 Verifique sua auto-estima diante do espelho.Você acredita que vale a pena alguém ficar com você? Se você não gosta do que vê, como vai deixar que alguém goste?
3 Saiba diferenciar o que você pode fazer ou não para melhorar sua imagem. Pintar o cabelo, roupa nova e dieta são coisas possíveis. Mas pare de se martirizar por coisas que não podem ser mudadas.

4 Avalie suas antigas relações. Tenha claro o que você não quer que se repita na próxima. Quando se sentir atraída por alguém, pergunte-se se você não está repetindo alguma história que não lhe convém. Siga seus instintos, mas use a cabeça também.

5 A paquera tem de ser natural. Quanto mais espontânea, melhor. Quem ensaia demais a performance está a caminho do fracasso.

6 O contato visual é decisivo. Ao cruzar seus olhos com os dele, você poderá saber se ele está ou não a fim de contato.

7 Há situações em que é preciso agir. Insinuar-se ou tomar a iniciativa. O pior que pode acontecer é receber um não. É preciso ter coragem de arriscar, ainda mais se o rapaz for tímido. Puxe conversa, sem ser muito atirada.

8 Ir direto ao sexo não é a melhor estratégia. Buscar afinidades e criar outras pontes de comunicação aumentam as chances de continuidade.

9 Bom humor é fundamental para quem quer conquistar alguém. Intuitivamente todos sabem que as boas companhias trazem mais prazer do que problemas.

10 Ajuste seu senso de medida. Se for muito exigente, acabará sozinha. Mas ficar com qualquer um, por ansiedade, ou porque não acredita merecer coisa melhor, compromete a qualidade e a continuidade do namoro.

11 Esteja sempre atenta ao seu hálito. Cheiro de álcool, cigarro ou qualquer outro odor desagradável afastará o pretendente.

12 Não seja professoral, ensinando o que é melhor para ele. Só dê um conselho se ele pedir.
Ou poderá passar por chata.

13 Existem homens alérgicos a compromisso. Se você se interessou por um deles, a
estratégia é dar corda para a relação, sem pressioná-lo com cobranças.

14 Os homens falam em média 7.000 palavras por dia. As mulheres, 20.000. Aprenda a respeitar o silêncio deles.

15 Se tiver de reclamar da vida, procure uma amiga ou um terapeuta. Não atormente o pretendente com ladainhas.

16 Muitos homens estão assustados e confusos com a independência e a ousadia das mulheres. Cultive o seu lado suave. Homens gostam de mulheres femininas.

17 Os homens adoram solucionar coisas para você. Gostam de sentir-se úteis. Deixe que eles a ajudem.

18 Cuidado com as dicas que ensinam a arrumar namorado. Elas partem do pressuposto de que a mulher é incapaz de seduzir alguém por conta própria e precisa ser ajudada. É bom questionar isso.

19 Não tente disfarçar quem você é só para agradar. Disfarçar significa ‘entrar na farsa’. Não é possível sustentar isso por muito tempo.

20 O mais importante é descobrir o seu jeito de fazer as coisas. A expressão, a criatividade e a
capacidade de improviso é que tornam alguém interessante. Cada um tem a sua forma de seduzir e sentir prazer.

21 Se a mulher tem problemas para começar uma relação, deve investigar as causas. Tem medo de receber um não? Se acha feia? Só se satisfaz com o que está fora de alcance? Ao conhecer as causas, ela se fortalece para enfrentá-las.

22 Atenção para a idéia de que conquistar é mais importante do que manter. Tem pessoas
viciadas em sedução.

23 É importante as pessoas se conhecerem sexualmente antes do casamento. Mas se um
rapaz lhe convidar para ir para a cama de cara, é sinal de que ele não é boa coisa. Para chegar à cama é preciso ter amor. Não ceda. O homem dá valor à mulher que se preserva.

24 Se você está interessada em um moço lindo, não pense que ele nunca vai olhar para você. A beleza interior, a cultura e a docilidade podem conquistar qualquer um.

25 Quem é bonita, deve se lembrar que a beleza física acaba, a juventude idem. Cultive também as qualidades da alma.

26 Se o rapaz que você gosta ainda não sabe que você existe, crie situações. Dê uma festinha em casa e o convide. Combine uma ida ao teatro em grupo (ele junto, lógico) e ofereça-se
para comprar as entradas.

27 Evite brigar por causa de ciúme. Se não conseguir se controlar, vá para a terapia.

28 Seja pontual. Ele marcou um horário? Seja educada e esteja pronta a tempo.

29 Respeite os gostos dele, mas também os seus. Se ele só gosta de filmes tipo “Rambo”, vá com ele ao cinema. Mas deixe claro que você adoraria que ele a acompanhasse em um drama de amor bem lacrimejante.

30 Preserve sua independência. Ele não quer viajar? Vá com suas amigas mas, na volta, cubra-o de presentes. Ele vai sentir sua falta, vai ver que você lembrou dele enquanto estava
longe e pensará duas vezes antes de dizer não na próxima oportunidade.

31 Trabalhe e ganhe seu dinheiro, nem que seja pouco. A mulher que trabalha é mais respeitada.

32 Evite cortar o cabelo e mudar radicalmente seu tipo de roupa no dia do encontro. Se o resultado for ruim, não dá tempo de consertar. Lembre-se: ele deve gostar de você e não de
uma “nova mulher” que você resolveu inventar de última hora.

33 Não mostre que se arrumou demais só para sair com ele. Mesmo que fique horas se aprontando, crie um clima de naturalidade. É isso o que mais encanta os homens.

34 Trate de saber onde ele pretende levá-la, para ir vestida de acordo. Se você se sente à vontade com suas roupas e sapatos, sua autoconfiança aumenta. Se forem a um bar, pode usar jeans. Um restaurante glamouroso pede visual mais caprichado. Na dúvida, recorra aos clássicos: com uma calça preta e uma camisa bonita dá até para esticar em uma boate depois do jantar.

35 No primeiro encontro, sonde o terreno. Nada de efeitos de impacto. Prefira perfume e
maquiagem suaves. Não arrisque batom vermelho, a não ser que esteja acostumada. Só use
bijuterias ou jóias grandes se essa for sua marca de estilo.

36 Evite roupas muito justas. Escolha algo que oculte imperfeições. Ele vai descobri-las mais tarde, mas só depois que você já tiver revelado suas outras qualidades. Aí, não será um culote que vai pôr tudo a perder.

37 Use uma bolsa pequena e simples. Bolsas enormes quebram o clima na hora da aproximação.

38 Nos primeiros encontros, escolha uma lingerie sexy, mas discreta. Nada de estampa de
oncinha! Se ele perceber que você escolheu a calcinha com planos de levá-lo para cama, vai ficar chato.

39 Use sandálias quando estiver com os pés muito bem tratados. Se quiser esmalte, prefira os tons clarinhos. Há muitos homens que são loucos por pés.

40 Evite meias rendadas, que podem ser mal interpretadas por seu interlocutor. Lembre-se de que o homem com mais de 30 anos é, a princípio, um conservador.

41 No restaurante, não escolha nada complicado de comer. Lembre-se de Julia Roberts em “Pretty Woman”. (Quando ela vai espetar um escargot, ele voa do prato.) No filme tudo acaba bem, mas na vida real é diferente, e você não é Julia Roberts.

42 Controle a bebida para não ficar alta. Duas taças de vinho e um cálice de licor após o jantar são a medida certa.

43 Se você não tem idéia do que está acontecendo no mundo, informe-se. No primeiro encontro, você ainda não sabe se terão assunto.

44 No começo, deixe que ele tenha a sensação de que está seduzindo e conduzindo a situação. Depois você poderá mostrar suas garras.

45 Permita que ele abra a porta do carro e acenda o seu cigarro. Se ele não fizer nada disso, considere se vale a pena sair de novo, pois significa que ele é mal-educado.

46 Finja que é um pouco tímida: ele fala algo gentil, você sorri e depois baixa os olhos.
Parece bobagem, mas eles adoram.

47 Em uma sexta-feira de Lua cheia, pegue duas velas, uma branca e outra cor-de-rosa. Segure a vela branca na horizontal e escreva seu nome com uma agulha virgem. Pegue então a segunda vela e escreva, também no sentido horizontal, a palavra “Amor”. Passe óleo de oliva nas duas velas, de cima para baixo e de baixo para cima. Coloque as duas velas lado a lado sobre uma base de pedra lisa e sólida e acenda-as, mentalizando que o amor surge em sua vida, poderoso como a chama e firme como a rocha.
Deixe as velas queimarem inteiramente. Enterre os restos em qualquer lugar próximo da natureza. Tudo deve ser feito com atenção e intenção, como um ritual.

48 Como amuleto, use um anel com a pedra da lua, para atrair ou proteger uma relação. É um cristal associado a Afrodite, deusa do amor, e tem poder magnético.

49 Prepare um banho para aumentar sua capacidade de atração. Pela manhã, ferva um litro de água mineral em uma panela de barro, ferro ou pedra-sabão. Acrescente metade de uma maçã com casca (guarde a outra metade), pétalas de sete rosas vermelhas e sete gotas de essência de jasmim. Tampe a panela e deixe repousar durante todo o dia. No início da noite, após tomar seu banho normal, coma a metade da maçã que foi guardada, coe a água da panela e jogue-a sobre seu corpo, do ombro para baixo. As pétalas e a maçã cozida devem ser enterradas em um vaso de plantas que dêem flores e/ou frutos.

50 Para aumentar sua sensualidade: ferva duas colheres de chá de suco de maracujá natural, duas bagas de zimbro (semente encontrada em supermercado), uma pitada de manjericão seco em pó e um cálice de vinho tinto enquanto entoa : “Vinho de Vênus, borbulhe e se transforme. Queime de paixão! Queime de paixão!”. Beba o vinho e sinta a sua sensualidade ser despertada pela poção.

51 Prefira um cardápio que possa ser pré-preparado. Assim você não gasta horas na cozinha e nem fica com cheiro de cebola nos cabelos. Uma boa dica é um risoto, uma massa, ou uma receita que você já saiba e goste de fazer.

52 Evite servir salada. Sempre existe o risco de você ou ele ficar com um ‘verdinho’ preso entre os dentes.

53 Uma mesa bem-arrumada conta muitos pontos. Pode ser um belo jogo americano que combine com a louça. Nada de toalha de cetim vermelho, que deixaria o rapaz coagido. Prefira um tom suave.

54 O jantar tem de ser à luz de velas, mas elas só devem ser acesas alguns minutos antes de a comida ser servida.

55 Improvise algo que mostre a sua criatividade. Um raminho de flores naturais amarrado com uma fita nos guardanapos, por exemplo. Prefira os de linho, que dão um toque nobre, mesmo em uma mesa informal.

56 Flores não podem faltar. Se a mesa de jantar for pequena, faça um arranjo numa mesinha ao lado. Em vez de luz direta, use abajur. Cria um clima mais íntimo.

57 Não esqueça da música ambiente, que já deve estar rolando antes de ele chegar. Ajuda a entrar no clima.

58 Para começar a noite, ofereça um drinque e algo leve para beliscar. Em seguida, convide o rapaz para acompanhá-la na cozinha, enquanto termina de preparar o prato.

59 Não suje o vestido. Tenha à mão um avental bacana para usar enquanto estiver no fogão.

60 A partir desse momento, o drinque deve ser substituído por vinho. Reserve pelo menos
duas garrafas para a noite.

61 Comida pronta, convide-o para sentar-se à mesa e sirva-o.

62 Arrase no final com a sobremesa. Siga uma receita fácil de “Morangos Marinados”. Separe 16 morangos bem bonitos e vermelhos; pimenta-do-reino moída na hora; 100 ml de vinagre balsâmico, um maço de hortelã. Lave bem os morangos, ainda com os cabinhos. Deixe escorrer. Coloque o vinagre numa panela. Deixe ferver por uns dois minutos, retire do fogo e acrescente as folhas de hortelã. Depois que esfriar retire essas folhas. Corte os morangos em quartos e arrume os pratos bem bonitos, incluindo uns raminhos de hortelã. Coloque o balsâmico numa molheira. Leve os pratos com os morangos, a molheira e o pimenteiro para a mesa. Na hora de servir, tempere os morangos com a pimenta-do-reino moída na hora e o vinagre balsâmico.

63 Para arrematar, convide-o para um cálice de vinho do porto, que é digestivo e doce, já no sofá.

64 Por fim, lembre-se: não invente nada que seja complicado demais. O importante é passar a impressão de que esse jantar é algo carinhoso, mas corriqueiro. Se ele perceber que você moveu mundos e fundos só para recebê-lo, pode se assustar e fugir.

65 Cantada feminina tem de ser sutil. Uma frase maliciosa no meio de uma conversa banal pode deixar o homem curioso, intrigado, com vontade de conhecê-la melhor. Mas só
aborde explicitamente alguém se souber fazer isso com uma dose de humor e inteligência.

66 Salto alto, batom, cabelo e pele bem tratados chamam a atenção. A elegância conta, mas ser escrava da moda não tem nada a ver. Homem nenhum gosta de mulher que parece uma vitrine.
67 Os homens amam uma boa conquista. É instintivo, faz parte da nossa natureza. A mulher que se esquece disso sai perdendo.

68 Existem dois tipos que afastam os homens: a espalhafatosa, que chega falando alto e querendo chamar atenção, e a sedutora cafona, que fica lançando olhares fatais.

69 Uma boa maneira de fazer o homem notá-la é pedir para um amigo comum fazer as apresentações.

70 Fique esperta. Se o papo com alguém não rolar e ficar claro que o interesse não é mútuo, é melhor sair fora do que ganhar fama de chata.

71 Se a paquera inicial vai dar certo e o homem vai virar um namorado, só o tempo dirá. “Amar se aprende amando”, como escreveu o poeta Carlos Drummond de Andrade.

72 Não fique ansiosa demais. O segredo é não ficar imaginando uma casa com filhos e o carro da família na garagem logo que conhecer um homem interessante.

73 Repare na postura dele: se anda de peito aberto, com a cabeça em pé, se tem ombro caído, se fica com a bunda apertada ou com as coxas fechadas. Essa primeira leitura pode revelar muito do seu alvo -ansioso, maduro, inseguro, arrogante, infantil. Se rolar um papo entre vocês, preste atenção na voz, que também mostra muito da personalidade.

74 Duvide de amor à primeira vista. Acredite em encanto à primeira vista.

75 Uma mulher pode e deve chegar no cara, mas eu nunca chegaria agarrando o sujeito. Talvez ele até goste de gente atirada, mas é melhor ir com calma, não se atropelar, sendo impulsiva ou retraída demais. Uma paquera mal pensada pode ser mal interpretada. Então, jogue um olhar ou um sorriso e torça para ser correspondida. Tudo com charme.

76 O melhor recurso é ser autêntica. Mostre quem você é, sem ficar tentando impressionar.

77 Dê segurança a ele. Não dê mole para outros caras, na tentativa de provocar ciúme. Faça ele entender que você está a fim dele e nada mais.

78 Tenha uma postura de mulher, os homens gostam disso. Evite roupas muito extravagantes e palavrões. Tente ser bem feminina sem ser perua, porque os homens são simples e básicos.

79 Se você está com problemas estéticos e fica se comparando com aquela menina linda que tem por perto, minha sugestão é: trate-se. Pois se você não se gostar, ninguém vai gostar de você.

80 Descubra suas qualidades mais interessantes: o charme, o jeito de se vestir, o humor.
Valorize-se do jeito que é e estude, informe-se, seja esperta. Gente com cabeça limitada é muito complicado.

81 Hoje, com tanta plástica, com tanta mania de regime, o lance é ser supermagra. Afinal, quem é assim? Evite essa obsessão.

82 Não acredite em pessoas que fazem promessas demais. Conversas do tipo “Juntos podemos fazer muita coisa” ou “Vou te dar muito amor” podem ser só uma isca. O dia de amanhã é incerto. Aposte em quem proponha amor e liberdade e procure ficar centrada no presente.

83 Se a situação favorece um convite, não o leve para um bar, eu acho chato. Fique entre
um cinema, que depois dá para conversar sobre o filme, ou um jantar à luz de velas. Para quem mora perto do mar, sugiro um passeio na praia para ver a paisagem, sentir a brisa.

84 Toda mulher se sente bem quando o cara paga o ingresso do cinema ou a conta do restaurante, especialmente se foi ele quem convidou. Mas não espere que ele assuma tudo sozinho. Não vejo problema em dividir a conta.

85 Se o lance for mais agressivo no primeiro encontro, beije ou transe sem ficar imaginando o que as outras pessoas vão pensar de você.

86 Se rolar mesmo uma transa, evite a pressa, que corta o tesão, e curta cada momento.

87 Por outro lado, se você achar que a história está acelerada demais, converse com ele e conte a verdade. Seu discurso pode ser: “Não vou, porque a gente vai acabar passando da conta e eu quero te conhecer melhor”. Nunca invente histórias do tipo: “Tenho de acordar cedo amanhã”.

88 Não espere que o cara seja tudo aquilo que você sempre imaginou. Ele tem de ser especial, com idéias compatíveis com as suas. Mas não seja muito exigente, porque pode acabar achando que não existe o cara certo para você.

89 Se o cara gosta de pagode, vá com ele a um show do gênero, mesmo não curtindo esse tipo de música. Aposto que ele tem outras qualidades.

90 Depois que a coisa já pegou entre vocês, invista em programas de namorados, mesmo que ainda estejam só ficando. Eu adoro um jantarzinho, um bom vídeo, um encontro com amigos.

91 Mulher que cozinha ganha pontos, porque reúne pessoas em volta dela. Pense nisso.

92 Deixe o cara jogar futebol ou beber um chope com os amigos. Não encane,
achando que ele está se divertindo com outra mulher. Não tente impedi-lo e tenha confiança de que ele vai ficar bem. Aproveite esses momentos para se distrair sem ele.

93 Ame sem pedir nada em troca. Não implique se o cara olhar para outra mulher. As pessoas são livres para amar, para ficar com quem quiser. Quanto mais leve for a relação, mais sucesso ela terá.

94 Acho legal dar uns presentinhos. Gosto dos personalizados, tipo um cartão com foto e bilhete. Livros também são uma boa dica, aqueles que você já leu e gostaria que o seu querido também lesse.

95 Descarte a hipótese de ser sempre o centro das atenções e não espere dedicação integral, especialmente se ele acabou de sair de um relacionamento.

96 Se ele ficar três dias sem telefonar, seja simpática ao atender ao chamado dele. Prefira dizer: “Que bom você ligar, eu estava com saudade”. Controle-se para não falar: “Por que
você não me ligou antes, assim não dá”. Seja legal, sem ser chata.

97 Tente ficar segura. Às vezes, a cobrança é pura insegurança. Pressionar, tentar pegar o cara só para si, não dá certo. Essa situação pode revelar uma fragilidade sua, que você está se sentindo menor ou pior do que as outras pessoas.

98 Se ele está calado, não o perturbe com perguntas do tipo: “Por que você está quieto?”. Ou: “O que você está pensando?”. Ninguém tem o direito de querer saber o que o outro está pensando. É bom conversar, mas é bom respeitar a privacidade também.

99 Sempre é legal falar que gosta do parceiro. Pense em frases bem-humoradas. Eu gosto daquela meio batida, que diz: “Machucou?”. Daí ele pergunta: “Por quê?”. “Ah,
porque você caiu do céu.” É bonitinha.

100 Se ele te trair, tenha calma e pense antes de agir. Eu já fui traída duas
vezes. Uma, o cara me contou e eu fiquei na maior sinuca. Fui para casa, queria pensar
e ficar quieta. No outro dia, voltei com ele. Outra vez, acabei com tudo. Cada caso é
um caso. Mas não deixe virar aquela confusão, em que ele trai toda hora e você perdoa.

20 de outubro de 2011

Saiba quais são os 10 motivos que fazem homens e mulheres traírem seus parceiros

Filed under: Comportamento — by milly_JF @ 22:12

DETETIVE CITA SETE PISTAS PARA IDENTIFICAR HOMENS E MULHERES QUE TRAEM
FAMOSOS E “ANÔNIMOS” REVELAM O SEGREDO DE UM RELACIONAMENTO DURADOURO

Na época de nossas avós, a traição do marido era comum. “Coisa de homem”, diziam as mulheres, resignadas com a situação. Mas os tempos mudaram. As moças conquistaram espaço, atribuições e igualdade, e a política do “olho por olho” se tornou popular nos relacionamentos. Hoje, se a mulher não tem o que precisa dentro de casa, também vai procurar fora.

Pelo menos é o que aponta um estudo do site Ohhtel.com, direcionado a pessoas comprometidas que desejam ter um caso. Em pouco mais de dois meses de atividade no Brasil, o site já conta com 281 mil usuários, sendo mais de cem mil inscrições só de mulheres. E mais: a cada 17 segundos uma nova mulher em busca de relações extraconjugais entra nesta rede.

Mas o fato é que a traição tem agradado a ambos os sexos. Outra rede social também voltada ao tema, a Ashleymadison.com, recebe cerca de 3 mil inscrições por dia, totalizando 130 mil “traidores” apenas no Brasil. E só no Dia do Amante, comemorado na quinta-feira (22), registrou 6.867 novos usuários.

Estímulo e oportunidades não faltam, mas o que nos leva a trair? Com a ajuda de especialistas, o UOL Comportamento descobriu cinco gatilhos femininos e cinco masculinos que impulsionam à traição. Conheça quais são eles nas abas abaixo.

Curiosidades da traição
– Com pouco mais de dois meses no Brasil, o Ohhtel.com tem mais de 281 mil usuários e um milhão de visitantes.
– São Paulo lidera os cadastros, com 72 mil membros registrados. Destes, 67% são homens.
– 90% dos homens e 89% das mulheres cadastrados tiveram pelo menos uma relação fora do casamento.
– A maioria dos brasileiros não tem apenas um caso durante a vida: 65% dos homens e 32% das mulheres já tiveram pelo menos cinco casos. 38% das mulheres disseram ter tido entre dois e quatro casos.
– A maioria (79% dos homens e 77% das mulheres) dos brasileiros que participou da pesquisa afirma que o fato de ter casos extraconjugais evita a necessidade de pedir um divórcio.

10 motivos para homens e mulheres traírem

mulher trai quando: 1. Falta diálogo
Conversar sobre os pequenos prazeres da vida e até passar por uma “DR” (discutir a relação) de vez em quando deixa a mulher mais segura no relacionamento. Falar sobre sexo também é importante, já que o assunto ainda é tabu para muitos casais. “As mulheres que me procuram sabem exatamente como e onde querem ser tocadas, mas a falta de conversa e muitas vezes de intimidade com o parceiro as afugenta. Também tenho clientes fixas que descobriram o que era um orgasmo no quinto ou sexto atendimento. A mulher é diferente do homem, precisa se sentir relaxada e segura para poder entregar-se ao prazer. E a maioria dos maridos peca por não dar atenção ou não ter paciência para isso”, declara G. S., 32, garoto de programa de São Paulo que só atende a mulheres.

2. Não há romance
“Em pesquisas feitas em outros países, identificamos que a falta de sexo é um dos principais motivos para a traição. Mas, quando falamos das brasileiras, notamos que a falta de carinho, romance e atenção por conta do parceiro é uma das questões que pesam mais”, comenta Laís Ranna, vice-presidente do site Ohhtel.com, que atende no Brasil e também nos Estados Unidos, Canadá, Argentina, Chile, Paraguai e Peru.

3. Falta emoção na vida do casal
A mulher costuma criar muitas expectativas em torno de um relacionamento. Mas a vida não é um conto de fadas, tampouco o “príncipe”, encantado. “Todo mundo precisa de um complemento afetivo. A decepção da mulher com o perfil masculino, a falta de sensibilidade deste e sua frustração diante da expectativa fantasiosa de romance podem fazer com que a mulher procure emoções mais fortes fora de casa”, declara João Borzino, médico clínico, sexologista, terapeuta sexual e orientador sexual pela Faculdade de Medicina do ABC.

4. Acumula funções
É comum o desejo esfriar com o tempo, especialmente se o casal tem filhos e a mulher precisa sobrepor suas funções com a de mãe. “A mulher acaba por trair nessas situações, porque perde sua ligação afetiva e hipervaloriza a relação fraterna com o marido. Traduzindo: eles viram parceiros, grandes amigos, ou apenas dividem a vida, a rotina, as brigas e desentendimentos. Ela coloca acima de tudo a família, os filhos e todo o enlace social e econômico. Aí fica um vazio, a falta do par romântico. O resultado: traição, e de ambos os lados”, explica o médico.

5. Está insatisfeita com sua vida
Vida pessoal instável, uma carreira que não é a dos sonhos… Quando estão insatisfeitas com as escolhas do passado ou com o rumo no qual a vida caminha, as moças têm tendência a trair. “Hoje, a mulher está assumindo um papel mais ‘masculino’. Empenha-se em desenvolver o lado profissional e não deixa aflorar suas necessidades de mulher. Quando se dá conta, o tempo passou e ainda não se casou ou teve filhos. Quando chega aos 30, 35 anos, bate o desespero e ela sai ‘à caça’ de um parceiro. Quer avidamente se casar, o que faz com que os relacionamentos sejam curtos e a seleção, precipitada. Quando cai em si, se decepciona com o homem que escolheu. Assim, acontece de ela sair à procura de um complemento mais adequado ao seu perfil”, declara João Borzino.

Características das mulheres que mais traem no Brasil
Idade média: 33
39% são executivas
59% são casadas e têm pelo menos um filho
52% são casadas há sete anos ou mais
36% traem por vingança
67% preferem homens mais velhos (entre 40 e 50 anos)

o homem trai quando:
1. Falta sexo em casa
Que homem nunca ouviu o famoso “Hoje não, estou com dor de cabeça”? Uma vez, ainda vá lá. O problema é quando esta e outras desculpas acontecem com muita frequência. “Em uma pesquisa realizada nos Estados Unidos pelo nosso site, em 2009, descobrimos que cerca de 40 milhões de americanos estavam em casamentos sem relação sexual. Na maioria dos casos, porque um dos parceiros perdeu todo o desejo pelo outro e só lhes restam três opções: celibato, divórcio ou suprir as necessidades físicas com outra pessoa, mesmo amando sua esposa ou marido”, conta Laís Ranna.

2. Entrega-se à poligamia
Mirian Goldenberg, antropóloga e professora da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), lembra que os homens consideram a infidelidade algo biológico. “Para ele, é natural ser poligâmico; já as mulheres são educadas para ligar o sexo ao amor. Tanto que, em um mercado em que os maridos são escassos, as brasileiras casadas sentem-se triplamente poderosas: por terem um produto raro e extremamente valorizado no mercado; por se sentirem superiores e imprescindíveis para seus maridos; e, principalmente, por acreditarem que são fiéis”.

3. Há mais mulheres (e amantes) que homens
Em seu livro “A Outra” (Editora Record), Mirian cita dados apontando que há uma grande diferença entre o número de homens e mulheres à procura de parceiros. “A população brasileira está envelhecendo e a composição da faixa mais velha é majoritariamente de mulheres. Percebi que a frase ‘falta homem no mercado’ é uma realidade bastante cruel”, revela a antropóloga. E, já que falta homem solteiro, as mulheres se acomodam com o que há de oferta: ser a “outra” de um já comprometido. E eles aproveitam para trair mais. “Os homens têm mais escolhas e quanto mais velhos, melhor fica o mercado para eles. Já para as mulheres mais velhas e solteiras, restariam as opções do casamento insatisfatório, a solidão, a relação com outra mulher ou buscar parceiros mais jovens ou de outras classes sociais. Ou seja, ser amante de um homem casado se apresenta como uma solução para as que ‘sobram’, e não um fracasso individual ou uma predisposição psicológica”, declara Mirian.

4. Falta ousadia na cama
A garota de programa A. J., 28, diz que a grande maioria de seus clientes são casados. Alguns se consideram fiéis, mas saem com ela há anos apenas porque sentem falta de ousadia e cumplicidade na hora do sexo. “A mulher não entende que o homem quer a dama na sociedade e a amante na cama. Se ela não inventa, ele enjoa e vai ‘comer fora'; é normal. A principal queixa é a falta de atitude, vaidade e feminilidade por parte das esposas. Por isso, eles passam a procurar serviços como o meu”, entrega.

5. Sente-se inseguro com sua virilidade
Dar conta do recado é questão de honra para o homem. E, se ele já não se sente tão confiante, procura culpados para o problema. “Quando são tomados pelo medo de falhar (leia-se broxar), muitos homens fazem o teste do ‘pula cerca’, no intuito de averiguar se o problema é com ele ou em casa” conta João Borzino. Se sua companheira é de personalidade forte, o problema só se agrava. “Ele sente que a mulher está muito competitiva, objetiva e determinada com o trabalho e as resoluções da vida do casal. Nesse momento, vai à busca de outra mais feminina, submissa, mansinha, para ele se sentir mais macho”, explica o médico.

Características dos homens que mais traem no Brasil
Idade média: 42
69% têm dois ou três filhos
29% trabalham com finanças ou no setor industrial
34% traem para sair da rotina
62% têm mais de um caso
73% preferem mulheres mais novas (entre 20 e 30 anos)

Como agir quando uma relação longa não te faz mais feliz?

Filed under: Comportamento — by milly_JF @ 21:57

Dez erros comuns de quem acaba de terminar um relacionamento
Saiba quais são os 10 motivos que fazem homens e mulheres traírem seus parceiros

Já são muitos anos de união e você percebe que as discussões passaram a ser mais constantes, que vocês não saem mais e nem se divertem juntos. É quando você se dá conta de que essa relação, que parecia estável e segura, não lhe faz mais feliz. O que fazer? Primeiramente, ter calma. Decisões definitivas requerem um tempo de amadurecimento e paciência.

Dizer que é preciso conversar é um lugar-comum e que não resolve se o casal não souber fazer isso. “É por essa razão que os casais precisam desenvolver o diálogo. Para haver comunicação eficaz, é necessário que cada um compreenda o que busca no relacionamento e como são as emoções que se associam a essas necessidades”, diz o psicólogo Oswaldo Rodrigues Jr., do Instituto Paulista de Sexualidade.

Expressar sentimentos é o primeiro passo para chegar a um acordo. “É preciso entender o que cada um sente. Está no rosto, no corpo, nas palavras. A compreensão não é um sinal de ataque –e as partes não podem se sentir atacadas”, diz o psicólogo. Conversar honestamente faz com que os pontos ruins e bons venham à tona e sejam esclarecidos. “Tem de deixar claro o que está acontecendo, mostrar como as coisas chegaram a este ponto, pois nenhuma relação longa chega a um nível de insatisfação de repente”, afirma a psicóloga e psicanalista Blenda de Oliveira, da Sociedade Brasileira de Psicanálise de São Paulo.

Esperar que o parceiro seja sempre o mesmo também pode ser um erro. As pessoas mudam com o tempo. “Passam a ter necessidades distintas que nem sempre o parceiro, por estar acomodado em uma situação conjugal, percebe as mudanças ou as diferentes demandas do outro”, explica a psicanalista. Se você não está feliz na relação, talvez tome uma das atitudes a seguir: lutar para permanecer junto, afinal há amor, ou partir para outra história. Seja qual for a sua decisão, esteja consciente de que ela mudará sua vida. Abaixo, especialistas mostram pontos importantes para quem quer recuperar ou terminar a relação. Veja, também, dicas para ter relações saudáveis e seu relacionamento tem potencial para ser duradouro?

retornem a felicidade
Se, apesar do desgaste, vocês ainda se amam, lute para que a relação volte a dar certo –mas tenha certeza de que ambos querem o mesmo. “Casais precisam desenvolver uma comunicação afetiva especial, que considere o controle das emoções enquanto debatem, pensando no futuro. Assim, o mal-estar da discussão não interfere no replanejamento que necessitam”, diz o psicólogo Oswaldo Rodrigues Jr.

Amor, companheirismo e respeito serão os alicerces para a retomada do relacionamento. Após um período de crise, a relação pode se tornar mais forte e satisfatória. O compromisso é reavaliado e o casal reconstrói um novo enlace afetivo, com bases até melhores.

“O princípio é o velho ‘quem ama, cuida’, de si mesmo e daquele que foi escolhido para estar ao seu lado. Retomar a relação é um ato de muita coragem para os parceiros, por isso, é necessário que haja uma grande amizade, acompanhada da maturidade e generosidade de ambos”, explica a psicóloga Blenda de Oliveira.

Medo, condições financeiras, dívidas de gratidão ou filhos não podem motivar a decisão de um casal ficar junto. “Um casamento realmente satisfatório não foge das tempestades, enfrenta e resolve da maneira que for melhor para a vida de cada um. O importante é lembrar que sempre temos escolha”, diz Blenda.

Para ficar junto, ambos devem ter disposição para quebrar antigos paradigmas, que não servem mais. Deixem claro o que cada um quer e pode, sem viver na ilusão de que “agora ficará tudo bem”. Outras crises surgirão com o tempo, mas vocês já estarão mais maduros para lidar com cada uma.

Dê um basta recomece
Se depois de pensar muito você perceber que não há mais chance para a relação, que é preciso seguir um caminho diferente, reconheça isso e não espere que o outro aja para solucionar o problema. “Pensar em como mudar será o caminho para a transformação do casal”, explica o psicólogo Oswaldo Rodrigues Jr.

O processo de separação em relações longas nem sempre é rápido. Há muitas coisas envolvidas, como família, projetos, patrimônio e até a posição social, que tem grande importância para alguns. O basta pode ser repentino, mas as insatisfações são anteriores à decisão. Com a certeza do fim, é hora de pensar em tudo que gira em torno da união. “Relações longas têm histórias longas, projetos construídos e, muitas vezes, filhos criados que não aceitam o término de um casamento que parecia indestrutível”, explica a psicóloga Blenda de Oliveira.

A separação significa, para ambos, reorganizar a vida. O medo surgirá como um alerta normal do subconsciente. “O sentimento atrapalha, mas buscar compreender o que você pensa sobre si mesmo, sobre o casal e como deve ser o futuro de ambos é essencial para iniciar um caminho”, diz Oswaldo Rodrigues Jr.

Enfrentar a mudança, algumas perdas e uma expectativa de futuro de incertezas não é fácil. Fortaleça-se emocionalmente (talvez com a ajuda de especialistas), para ter uma perspectiva de vida mais positiva e longe do medo. “Anunciar a separação e tomar as providências práticas (como definições jurídicas, mudança de casa, retirada de objetos) é sempre uma despedida sofrida e, em alguns casos, em meio a ressentimentos. É um luto que cada um, ao seu modo, terá de superar”, diz Blenda.

em qualquer caso
Independentemente da decisão que tomar, algumas atitudes são fundamentais para fortalecer as relações:

1. Cuidado com opiniões alheias. Compartilhar angústias e discussões do casal com parentes ou amigos pode ser um mau negócio. Nem sempre as pessoas são imparciais. Depois, você pode superar a mágoa, mas quem tomou seu partido, não.

2. Busque conselhos de pessoas neutras. Um terapeuta é a melhor saída. O profissional ajudará a esclarecer pontos e não terá uma visão parcial ou tendenciosa sobre os seus problemas.

3. Se surgir insatisfação, converse. Os sinais de que um casamento não vai bem, muitas vezes, são claros, mas nem sempre o casal percebe ou quer enxergar. Acumular ressentimentos só prejudicam ainda mais a união.

4. Evite envolver-se em outro relacionamento antes de terminar o atual. Sentimentos de rejeição, de humilhação e engano, que vêm junto com a traição, torna o rompimento ainda mais sofrido -e com menos chances de um reenlace.

5. Fique um tempo só. Engatar relacionamentos sobrecarrega o atual casal, que passa a ter a expectativas altas demais. Se você perceber que não deveria ter se separado e já tem outro alguém, ficará mais difícil voltar atrás.

6. Descubra se a insatisfação é relacionada ao outro ou se está dentro de você. Muitas vezes, sua infelicidade diz respeito às suas questões emocionais e seu par não poderá resolvê-las. O vazio e o desejo de mudança estão dentro de cada um. Portanto, descubra as causas para poder solucione os problemas.

Próxima Página »

O tema Toni. Blog no WordPress.com.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 118 outros seguidores