Millydielle's Blog

15 de novembro de 2011

O ponto G dele!

Filed under: Amor & Sexo — by milly_JF @ 23:00

Ponto G com H maiúsculo

Não é só a gente que tem um monte de botões no corpo para apertar e ver estrelas. Agora chegou a vez de descobrir pedacinhos do corpo dele que são sinônimos de satisfação garantida, só que ninguém sequer desconfia. Sim, eles também têm ponto G, como afirma a sexóloga Marilene Vargas. “Fica atrás da região testicular, no meio do caminho entre o saco e o ânus”, relata, garantindo que nesse caso o orgasmo pode ser bem mais extenso do que o orgasmo tradicional.

Outro lugar que merece nossa atenção na próxima noite de amor é o chamado ponto de um milhão de dólares, localizado entre os testículos e o ponto G. Segundo a especialista, com a estimulação desse ponto, o prazer vai do fio do cabelo até o dedo do pé, como se o corpo todo entrasse em orgasmo. Para dar tudo certo na hora agá, Marilene sugere que o estímulo seja feito através de carícias ou lambidas delicadas. “O ponto pode ser tocado por dentro ou por fora. Nada de fio terra, nem introduzir nada. Somente conhecer os detalhes do corpo do parceiro sem necessidade de penetração”, ensina Marilene.

É verdade, tá cheio de homem por aí que morre de medo de ser surpreendido por um dedinho mais afoito em lugares proibidos. Para que não haja nenhum tipo de desconforto, uma boa é conversar com o parceiro e delimitar fronteiras, para que ele possa ficar relaxado enquanto você estiver passeando por essa região que é tão delicada para muitos homens. “Para ambos, é importante ter uma relação de confiança e também a certeza de que o outro não vai fazer nada sem consentimento prévio”, explica.

ós, mulheres lindas, charmosas, inteligentes e bem-resolvidas estamos sempre querendo aprender mais sobre nossos assuntos preferidos – como sexo, claro. Bom pra gente, melhor para nosso acompanhante.

O Bolsa de Mulher, antenado nas necessidades femininas, revela lugares escondidinhos da nossa anatomia que provocam sensações pra lá de prazerosas, mas são pouco explorados pela cabeça, corpo e principalmente membro do parceiro. Depois dessa matéria, você vai poder mostrar exatamente onde ele deve tocar e pagar na mesma moeda, tocando nos pontos G, H, Y, Z. Enfim, um monte de letrinhas para chegar a uma só: o T, dos grandes.

O PONTO G – O ponto de Grafemberg foi apelidado carinhosamente de ponto G para os mais íntimos. Segundo a sexóloga Marilene Vargas, ele está localizado na entrada da vagina, mais ou menos a 3 centímetros da porta de entrada: \”Imaginando um relógio, está entre as 11 e 13 horas. É formado por seguimentos nervosos e glândulas de Skene. Apresenta uma textura diferente, mais fofa, que se incha quando estimulada\”. Ela compara o ponto G ao botão de start do motor do orgasmo vaginal. Sobre a polêmica acerca do tema e o fato de alguns médicos alegarem que o ponto G não existe, Marilene é taxativa: \”Todo mundo tem ponto G, quem diz o contrário é porque não soube procurar direito!\”, provoca.

PONTO P – Bem pertinho do ponto G, só um pouco mais adiante, fica o ponto P. Já ouviu falar? Vamos às apresentações: ponto P, essa que nos lê é a usuária do Bolsa. Usuária do Bolsa, esse aqui é o ponto P. Muito prazer – muito mesmo! \”Formado pelos ramos da glândula de Skene, é um ponto um pouco menor e, para conseguir detectá-lo, é preciso conhecimento do corpo e muita prática\”, afirma a sexóloga. Uma vez frente a frente com o tal ponto, ninguém vai ter dúvidas de que achou o danado: segundo a sexóloga, a sensação de prazer obtida é muito diferente do comum e há relatos de ondas crescentes de prazer. Oba!

PONTO Y – No fundo da vagina fica localizado o chamado ponto Y, perto do colo do útero. \”Durante o orgasmo ocorre o descolamento do muco cervical e o homem sente um jato quente derramando-se na ponta do pênis\”, explica Marilene, acrescentando que isso costuma acontecer entre o 10º e o 18º dia do ciclo menstrual, quando a quantidade de muco é maior. Ao contrário do que se pode imaginar, a médica garante que não é necessário que o parceiro seja do time dos bem-dotados para conseguir alcançar o ponto lá no fundo. \”Basta que o casal seja compatível anatomicamente\”, afirma ela.

O PONTO S – É mais conhecido pelas sociedades hindus e chinesas. \”Sabe-se pouco sobre o ponto de Saspandra. Apenas que ele fica no terço posterior da vagina e é mais um lugar a ser explorado e provocar sensações prazerosas\”, resume Marilene, uma vez que não há um estudo histológico mais aprofundado nesse caso.

Tá tudo muito bem, tá tudo muito bom, mas a sexóloga Glene Faria tem algo a dizer. Segundo ela, entrar nesse papo de ponto G, Y, S, P é que nem acreditar em Papai Noel ou esperar a fada dos dentes! “Cada mulher tem que descobrir o seu próprio ponto de prazer, porque não há um lugar fixo para todas as mulheres. Por tentativa, cada uma deve perceber de que jeito é mais gostoso e estimula melhor a vagina, já que não há uma posição específica que dê certo para todas”, afirma Glene, lembrando que a cada 100 mulheres que conseguem atingir o orgasmo, 70% delas atingem o clitoriano, centro óbvio do prazer feminino. “O corpo humano é um abecedário completo de prazer”, conclui. Desvende-o!

Anúncios

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: